O Projeto de Lei 6717/2016, de autoria do deputado Afonso Hamm, que cria o porte rural de arma de fogo deverá ser votado nos próximo dias a pedido do presidente Jair Bolsonaro. O autor da proposta afirmou que possui o apoio dos líderes partidários e da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).

Conforme o projeto, a licença será concedida ao proprietário e ao trabalhador, com mais de 25 anos de idade, que seja residente da área rural, que dependa do emprego de arma para a defesa pessoal, familiar ou de terceiros e patrimonial. Para requerer o porte, os interessados deverão apresentar documento de identificação, comprovante de residência em área rural e atestado de bons antecedentes.

Em entrevista à Spaço FM, Hamm comentou sobre a expectativa de aprovação do projeto, já que ele passou pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). O político explicou que o próximo passo é finalizar o texto, o qual irá receber algumas contribuições positivas. "Nós queremos oferecer essa ferramenta de proteção à vida, de quem produz, trabalha e vive no meio rural”, finalizou.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!