A greve dos professores de escolas estaduais em função da falta de pagamento de salários completou 60 dias no início de novembro. Em Farroupilha, duas das escolas ainda possuem funcionários que aderiram a paralisação.
No Colégio Estadual Farroupilha alguns professores voltaram a dar aula, mas ainda há três professores e dois funcionários em greve. Segundo a vice-diretora Joice Colbeich, algumas aulas devem começar a ser recuperadas aos sábados ainda em novembro. Apenas o turno da noite não está com falta de professores, por isso, estudantes dos turnos da manhã e da tarde estão buscando a transferência para conseguir terminar o ano letivo ainda em 2017.  
Já no Colégio Estadual São Tiago dois professores e uma funcionária continuam em greve. No turno da manhã as disciplinas de física e história não estão ocorrendo e à noite a matéria de física também não está sendo dada. A vice-diretora Miriam Maffei explica que agora aguarda os próximos passos do governo, mas há a preocupação em relação aos alunos prejudicados, principalmente os terceiros anos que precisam concluir as horas necessárias para se formarem. 

Confira as entrevistas no áudio abaixo:

Áudios

Deixe o seu comentário!