O empresário e ex-presidente da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (Cics) de Farroupilha, Gervásio Silvestrin, questionou as ações do ministro da justiça Sérgio Moro sobre os vazamentos de informações da Operação Lava Jato. O juiz federal aceitou o convite de Jair Bolsonaro pra assumir o Ministério da Justiça.

Para Sivestrin está situação mancha ainda mais a justiça brasileira e eleva o descrédito perante a comunidade internacional. Ele afirmou que a idoneidade do jurista é nociva para a condução do processo. “Que valor tem a sentença de um juiz parcial”, concluiu.

Ele resaltou também a atuação de Moro diante da operação Lava Jato. Para o empresário, o juiz foi imparcial no julgamento do ex-presidente Lula e da ex-presidente Dilma, pois só o Partido dos Trabalhadores (PT) foi investigado.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!