O irmão de Kauan Machado, Maicon Cardoso Machado, registrou uma ocorrência de estelionato contra o indivíduo que utilizou o nome do adolescente para arrecadar dinheiro. Conforme o registro policial feito no último sábado, 4, o homem ruivo e de olhos azuis teria pedido doações para supostamente ajudar Kauan, que está internado há um ano em Porto Alegre, após ser diagnosticado com  a síndrome hiper-IgM, que afeta o sistema genético, não produzindo defesa no organismo.

No programa Spaço Rádio Jornal de quarta-feira, 8, a mãe do menino, Marly Cardoso, alertou sobre a falsa campanha. Denúncias podem ser feitas pelo telefone da Brigada Militar, o 190.

Leia Também

Deixe o seu comentário!