As oito vítimas do massacre na Escola Estadual Professor Raul Brasil na cidade de Suzano, em São Paulo, foram identificadas. Entre os mortos estão as funcionárias Marilena Ferreira Vieira Umezo e Eliana Regina de Oliveira Xavier, além dos alunos Pablo Henrique Rodrigues, Clayton Antônio Ribeiro, Samuel Melquíades Silva de Oliveira, Douglas Murilo Celestino e Caio Oliveira.

Ainda antes de invadirem a escola, os assassinos atiraram contra o dono de uma loja de carros, identificado como Jorge Antônio Moraes. Os assassinos que se mataram após a invasão na instituição de ensino foram identificados como Guilherme Tauci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, 25.

O CRIME

Os crimes aconteceram por volta das 9h40 desta quarta-feira, 13, quando a dupla invadiu a escola com um revóver calibre 38 e uma arma chamada besta, que é semelhante a um arco e flecha. Após a chacina a dupla se suicidou. Conforme a polícia, 23 pessoas foram levadas a hospitais da região com ferimentos e em estado de choque.

A polícia apreendeu também coquetéis molotov e uma mala com simulacros de explovisos. Os autores chegaram à escola em um GM Onix branco, que foi alugado por eles.

Leia também

Homem tem tablet furtado no bairro Primeiro de Maio, em Farroupilha

Posse da nova diretoria da OAB-Subseção Farroupilha ocorre nesta quinta-feira

Lançamento da moda inverno supera expectativa de lojistas e convidados em desfile da Acecors

Vídeos

Deixe o seu comentário!