Um vigilante de 64 anos foi morto a tiros por volta das 17h10 desta sexta-feira, 5, em Caxias do Sul. Manoel Severino Nascimento de Lima trabalhava na empresa Treviso e prestava serviço na CPR Pneus, no bairro São José.

Segundo testemunhas, ele estava em frente ao local, na Rua Fortunato Mosele, conversando com um dos proprietários, quando um homem passou e começou a atirar. O vigilante tentou correr, mas acabou sendo atingido no braço e no lado esquerdo do tórax. Os disparos também acertaram três veículos nas proximidades.

Outro crime foi registrado por volta das 2h15 deste sábado, 6, na Rua Cristiano Ramos de Oliveira, no bairro Charqueadas. Um homem teria sido morto a pedradas após ser assaltado quando retornava para casa. A vítima foi identificada como Maicon Roberto Contenta da Silva, de 29 anos.

Com mais este caso, Caxias do Sul já soma 42 vítimas de crimes contra a vida em 2019. São 35 mortos em homicídios, dois em latrocínios e cinco óbitos em confrontos com a Brigada Militar.

Deixe o seu comentário!