O ex-vice-prefeito de Caxias do Sul, Antônio Feldmann (MDB) voltou a falar sobre sua pré-candidatura à Câmara Federal, visando as próximas eleições. Ele reafirmou que não abrirá mão para Mauro Pereira concorrer, pois já fez isso na última vez, respeitando uma decisão do partido. Em sua visão, agora é a vez do partido respeitar a sua. Ele relata que em 2014 deixou para Mauro Pereira e pediu voto para outros em 10 campanhas. “Se houver mais que um candidato pelo MDB, tanto para deputado estadual ou federal, será uma insanidade, uma burrice do partido”, concluiu.

Áudios

Deixe o seu comentário!

Leia Também