O candidato à presidência da República, Fernando Haddad (PT) fez campanha em Caxias do Sul nesta quinta-feira, 27. O ato marcado para as 10h atrasou e iniciou depois do meio-dia. Conforme os organizadores, cerca de mil pessoas acompanharam o evento que foi realizado na Praça Dante Alighieri. 

Em entrevista coletiva, Haddad destacou as propostas para o Rio Grande do Sul e afirmou que vê o estado extremamente industrializado com um potencial enorme e que sofreu muito com a crise e o desemprego. Sobre um possível apoio do centrão no segundo turno, ele salientou que ainda é muito cedo para antecipar um resultado eleitoral e que muita coisa pode mudar nos últimos dias da campanha.

O político também lamentou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que fará com que cerca de 3,4 milhões de eleitores não votem neste ano em razão de não terem feito o cadastramento biométrico. Conforme o candidato, existem muitas pessoas de boa fé que gostariam de votar, mas por um motivo ou outro perderam o prazo para se regularizar e isto irá gerar uma frustação ao eleitor.

Haddad também comentou sobre as declarações do candidato do PDT, Ciro Gomes, que afirmou não governar com o PT. Haddad discordou e explicou que no Ceará o PT governa com o PDT e que no segundo turno o PDT estará apoiando o PT.

Confira abaixo na galeria de áudios

Áudios

Deixe o seu comentário!