A presidente do conselho de administração do Hospital Beneficente São Carlos, Elizabete Grendene Bartelle Laybauer participou do programa Fim de Expediente desta sexta-feira, 27, e avaliou a gestão do hospital após dois anos de trabalho do novo corpo deliberativo.

Para Elizabete, o trabalho realizado é visível e admirável, pois assumiram a casa de saúde em condições precárias, a ponto de fechar as portas, e com diversas dívidas. Atualmente, as contas estão em dia e com projeções de crescimento. “Através da administração do hospital saímos do caos completo em apenas dois anos”, concluiu.

Ela teceu elogios à superintendente-geral do HBSC, Janete Toigo, que também participou do programa juntamente com o conselheiro Clarimundo Grunddmann.

Conforme Janete, o trabalho só se concretizou com o apoio da população através dos recursos advindos da consulta popular de 2017, totalizando R$ 215 mil.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!