Planejada para começar a produzir entre 2016 e o começo de 2017, a Central das Cooperativas da Serra Gaúcha, formada pelas cooperativas São João, Garibaldi, Pradense e Nova Aliança, já posterga sua data de funcionamento para 2018. O diretor da cooperativa farroupilhense São João, Ismar Pazini, explicou que, além da demora na liberação da licença ambiental, precisa de uma posição dos bancos para angariar os recursos. Toda a obra é avaliada em R$ 25 milhões. Pazini falou sobre o andamento da empreitada e mantém uma boa expectativa para a concentradora de sucos, confira a entrevista no áudio abaixo.

Áudios

Deixe o seu comentário!