O diretor-presidente do Grupo Sazi, Antônio Zini, em entrevista para a Rádio Spaço FM, afirmou que está acreditando que o ano de 2020 será promissor para os negócios. Conforme Zini, o governo está apresentando medidas que devem ser benéficas ao país. “A perspectiva é boa sim, hoje a gente está apostando, acreditando muito neste momento”, enfatizou. Zini também comentou que sua empresa estará presente em feiras na Índia, Itália, Portugal e em mais uma edição da Fimec que ocorre em Novo Hamburgo no mês de março, local que reúne toda a operação do setor coureiro-calçadista, um dos setores em que a Sazi atua.

Zini também foi questionado sobre fatos que estão gerando preocupação na economia, como o conflito entre Estados Unidos e Irã e a crise na Argentina. Para ele essa briga entre os dois países ainda não fez efeito no mercado, mas o empresário afirmou que torce para que este fato acabe logo. Sobre os problemas que o país argentino enfrenta, Zini destacou que afeta os negócios do grupo, mas sua estrutura está suportando a crise já que os negócios estão travados, e que quando esta instabilidade for cessada as exportações para o país devem ser retomadas.

Sobre expansão, o empresário destacou que a marca projeta novidades, mas dentro de sua estrutura. “A gente tem planos de melhorias muito consistentes dentro da empresa, melhorando processos, fazer mais com menos”, salientou.

OUÇA A ENTREVISTA NO ÁUDIO ABAIXO

Áudios

Deixe o seu comentário!