O secretário de Finanças de Farroupilha, Benami Spilki, participou do Fim de Expediente desta sexta-feira, 5, e comentou diversos assuntos relacionados ao município. Ele explicou sobre a receita pública e afirmou que o orçamento aprovado para este ano é de R$ 273 milhões. Além disso, Benami ressaltou que desde que assumiu o cargo em 2014 nunca houve o fechamento previsto das receitas. Ele apontou que 2017 fechou perto do zero e o IPTU, que arrecada aproximadamente R$ 11 milhões, salvou o ano. Em relação a folha de pagamento, o secretário explanou que saem do caixa R$ 6,7 milhões mensais.
Entre outros temas tratados na entrevista estava o Hospital São Carlos. Benami salientou que não teria possibilidade de manter a UPA e o hospital, por isso se optou pela casa de saúde. Sobre a Ecofar, ele esclareceu que o custo é de R$ 600 mil por mês, e que antes o valor era de R$ 650 mil com a Farroupilha Ambiental. 

Ouça a entrevista completa clicando aqui.


 

Deixe o seu comentário!