O movimento dos shoppings de pronta-entrega caiu 50% na Serra Gaúcha, por conta da crise causada pelo coronavírus. No entanto, de acordo com o presidente da Associação dos Centros de Compras da Serra Gaúcha (Acecors), Paulo Dalsóchio, ainda é possível recuperar economicamente o ano se o frio prevalecer na região.

Dalsóchio destacou que os postos de trabalho no setor estão sendo mantidos, mas as contratações temporárias foram estagnadas. “O nosso cliente final não tem estoque e fazendo frio a pronta-entrega é o caminho e vamos conseguir vender bastante”, comentou.

O presidente da associação também destacou que o número de lojas nos shoppings que fecharam não é significativo. "Hoje tem ônibus chegando com metade da lotação e os guias vêm com pedidos que são feitos pelas redes sociais", afirmou. 

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!