O número de professores que estão aderindo à greve na rede estadual de ensino está diminuindo, em Farroupilha. Conforme o levantamento realizado pela Rádio Spaço FM, apenas quatro instituições têm professores que seguem o manifesto.

A greve é contra o novo plano de carreira proposta pelo governo Eduardo Leite. As medidas estabelecidas pelo governador modificam carreiras, revogam benefícios e aumentam a contribuição previdenciária da parte do funcionalismo. De acordo com o texto do governo, os aposentados que ganham até R$ 5,8 mil (teto do INSS) também deverão passar a contribuir.

ACOMPANHE A SITUAÇÃO DAS ESCOLAS

  • Colégio Estadual Farroupilha: Não aderiu;
  • Colégio Estadual São Tiago: Não aderiu;
  • Colégio Estadual Olga Ramos Brentano: Um professor;
  • Escola Estadual de 1º Grau São Pio X: Sem número definido de grevistas;
  • Escola Estadual de Ensino Fundamental José Fanton: Aula normal;
  • Escola Estadual Ensino Médio Júlio Mangoni: Um professor;
  • Escola Estadual de Ensino Fundamental Vivian Maggioni: Quatro professores;
  • Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rui Lorenzi: Não aderiu;
  • Escola Estadual de Ensino Fundamental Carlos Fetter: Não Aderiu;

Leia Também

Deixe o seu comentário!