O Panorama desta quinta-feira tornou pública uma situação que causa questionamento às instituições de ensino superior instaladas em Farroupilha. Prestes a encerrar o primeiro semestre e com alunos já convocados para renovar o benefício, UCS e CESF não concordam com o pagamento da passagem intermunicipal a universitários matriculados em cursos que são oferecidos no município. Diretor da Faculdade do CNEC, Luis Fernando Felicetti faz uma comparação e diz que "é o mesmo que levar farroupilhenses a comprar no comércio de outras cidades". A situação já foi debatida inclusive com o reitor da UCS, professor Evaldo Kuiava. Com interesse em rever a situação, Felicetti já entrou em contato com o poder público junto do diretor do núcleo da UCS em Farroupilha, Celso Ferrarini que também fez seu comentário e deixou claro que o estudante é livre para cursar a universidade que bem entender. Ainda assim, Ferrarini acha uma incoerência o município gastar dinheiro com quem se matricula em cursos oferecidos na cidade. 

Acompanhe as manifestações abaixo. 

Áudios

Deixe o seu comentário!