O jornalista e apresentador do programa Prato Limpo da TV Adesso, Daniel Carniel, foi agredido no início da tarde desta sexta-feira, 14, em frente à emissora, localizada no centro de Garibaldi.

Segundo o comunicador, um indivíduo que o aguardava, perguntou se ele era Daniel Carniel e após ouvir a resposta, o mesmo desferiu socos e chutes em direção ao jornalista. "Ele me jogou para dentro do hall de entrada e disse o seguinte. Isso é pelas denúncias que você está fazendo na TV, isso é para ti aprender a falar na TV. Isso é para te mostrar que tu não pode falar o que quiser", relatou.

Após a agressão, o suspeito fugiu e não foi mais visto. A Brigada Militar (BM) esteve no local para colher os depoimentos e checar as imagens das câmeras de segurança, na tentativa de identificar o criminoso.

Antes de ir para o hospital, Carniel abriu seu programa e reforçou que não irá desistir de mostrar a verdade para a população garibaldense. "Essas manchas de sangue na minha camisa dão mais força para mostrar, os roubos, as corrupções e as coisas erradas que têm em Garibaldi, Bento Gonçalves e Carlos Barbosa. Querem me calar, só me matando, não vou ficar quieto", afirmou. Ele foi encaminhado ao Hospital Beneficente São Pedro para atendimento médico. A polícia investiga o caso.

Deixe o seu comentário!