O comitê finaceiro da Cics de Farroupilha está alertando a população para novos golpes envolvendo o WhatsApp e o PIX. Na manhã desta sexta-feira, 25, um trecho da entrevista com os integrantes do comitê, Graziane Pessin, Juliano Richter, e de Flávio Noal foi reproduzido e eles orientaram a população. Richter salientou que através do WhatsApp a população precisa duvidar até de seu gerente de conta e questionar as informações solicitadas. Uma das dicas é realizar uma ligação de vídeo para saber se de fato é ele mesmo que está pedindo alguma informação.

Sobre o PIX eles destacaram que não existe possibilidade de cancelar o envio de dinheiro em uma transação digital. Uma das artimanhas dos criminosos é se passar por outra pessoa e cadastrar uma chave PIX que pode ser o número do telefone ou o CPF ou até mesmo o e-mail 'real' desta pessoa que o estelionatário está se passando. Desta forma, a vítima pode se confundir e acreditar que está fazendo a transferência para a conta de seu conhecido. Os gerentes alertaram que antes da confirmação do envio do valor aparecerá na tela o nome da pessoa em que está cadastrado esta chave PIX 'falsa' e assim o usuário deve estar atento para não cair em uma farsa.

OUÇA A ENTREVISTA NO ÁUDIO ABAIXO

Áudios

Deixe o seu comentário!