O presidente do Partido Progressista (PP) de Caxias do Sul, Ovídio Deitos, participou recentemente do Fim de Expediente na Spaço FM e diz que não há razões para o Impeachment do prefeito Daniel Guerra. Conforme o presidente, o prefeito não cometeu nenhum crime e muito menos passou por cima da Lei Orgânica do Município. O que está acontecendo na visão de Ovídio, é que o prefeito Daniel não possui bom entendimento e diálogo com a Câmara de Vereadores. Deitos também comentou sobre as declarações do vereador Arlindo Bandeira, integrante do PP, que afirmou que o vice-prefeito de Caxias do Sul, Ricardo Fabris, tem problemas mentais. Deitos, na condição de presidente do partido, não avaliza qualquer tipo de manifestação de seu vereador e garantiu que não existe qualquer tipo de orientação e interferência do partido em suas decisões. Para ele o vereador é independente e por esse motivo se torna responsável por suas manifestações e atitudes.

Confira no áudio abaixo:

 

 

Áudios

Deixe o seu comentário!