O ator e humorista Paulo Gustavo morreu nesta terça-feira, 4, aos 42 anos, vítima de complicações de covid-19. Ele estava internado desde 13 de março no Hospital Copa Star no Rio de Janeiro e seu quadro se agravou após sofrer uma embolia pulmonar na noite do último domingo, 2.

A pedido da família, Paulo Gustavo será velado no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Devido à pandemia, o velório será restrito aos familiares e seguirá as regras de distanciamento social.

Paulo Gustavo ficou mais conhecido por meio do monólogo 'Minha Mãe É uma Peça', no qual ele interpreta Dona Hermínia, personagem inspirada em sua própria mãe.

O ator com seu jeito carismático por onde passava sempre atendeu os fãs e admiradores com carinho. Os farroupilhenses Râmi Augusto Portolan Lorandi e seu primo Vinícius Statdlober Portolan, em 2019 encontraram o ator no Aeroporto do Galeão do Rio de Janeiro e registraram o momento com uma fotografia.

Paulo Gustavo deixa o marido, o médico Thales Bretas, e dois filhos, Romeu e Gael, que nasceram em agosto de 2019.

Deixe o seu comentário!