Os moradores das comunidades do interior de Farroupilha estão insatisfeitos com a Rio Grande Energia (RGE) pela demora no conserto e retomada da rede elétrica que foi danificada no temporal ocorrido no início da madrugada da última quarta-feira, 31.

Localidades como Linha Jacinto, Linha Amizade, Linha República e Linha Machadinho ficaram cinco dias sem luz e sem telefonia. Eles perderam alimentos perecíveis pela falta de refrigeração e o trabalho na agricultura acabou prejudicado, pois os equipamentos utilizados necessitam de energia elétrica. 

Uma das moradoras da Linha Jacinto, Ivonete Anselmi comentou que fez diversas ligações e registros de protocolos na RGE, mas nenhum foi atendido. "A gente já estava triste por ter perdido toda safra e ainda sem luz cinco dias, fomos abandonados, só nos resta chorar. Fazer o que?” relatou.

Áudios

Deixe o seu comentário!