A mulher identificada como Maria Ana Zanetti Mützenberg, de 68 anos, que teve o corpo queimado na explosão de um apartamento no centro de Farroupilha nesta quarta-feira, 26, foi transferida para Caxias do Sul devido a gravidade dos ferimentos. Em entrevista para a Rádio Spaço FM, a filha da vítima, moradora do terceiro andar, Andréia Mützenberg Cenci relatou que a mãe contou que a explosão aconteceu no momento que ela ligou a luz da cozinha de seu apartamento. Segundo Andréia, ela foi transferida para Caxias do Sul porque na unidade de pessoas queimadas do hospital de Porto Alegre não há vagas. 

Na tragédia, aproximadamente 10 pessoas foram encaminhadas ao Hospital São Carlos por terem inalado fumaça. O edifício que possui 16 apartamentos e diversos estabelecimentos comerciais está interditado por tempo indeterminado até ser realizada a perícia completa da estrutura. 

LEIA TAMBÉM

Parada de ônibus da Praça da Matriz é alterada devido explosão em apartamento no centro de Farroupilha

Confira a entrevista abaixo

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!