Segundo o jornal Clarín, Diego Armando Maradona morreu nesta quarta-feira, 25, aos 60 anos, vítima de uma parada cardiorrespiratória.

Maradona estava em sua casa, no bairro de San Andrés, em Tigre, região de Buenos Aires, na Argentina. Ele se recuperava de um período hospitalizado, desde o dia 2 de novembro, para uma cirurgia de retirada de coágulo no cérebro. Na sequência de sua recuperação, recebeu alta para iniciar tratamento contra o alcoolismo em casa.

A confirmação da morte chegou por volta das 13h desta quarta-feira. Conforme informações do jornal argentino, o campeão mundial de 1986 foi levado para um centro médico da região e seria transferido para uma instituição de maior complexidade, mas acabou morrendo.

Deixe o seu comentário!