Na tarde de ontem foram ouvidas dezesseis testemunhas de acusação no processo que acusa dois homens de abuso sexual de menores em Farroupilha. De acordo com Carlos Alberto Sandoval, advogado de um deles, a maioria das testemunhas eram pessoas que trabalharam na prisão preventiva dos dois acusados. Essa foi apenas a primeira de muitas audiências. Ainda segundo Sandoval, é preciso ouvir os dois meninos, de 8 e 12 anos, que seriam as vítimas, além das testemunhas de defesa. 

A entrevista completa você acompanha abaixo. 

Áudios

Deixe o seu comentário!