Um grupo de moradores próximos a Praça de Emancipação junto à prefeitura municipal, procurou a Spaço FM para relatar o drama que é conviver com a baderna generalizada no local. Na última sexta-feira, um vigilante da prefeitura, que cuida do local, foi agredido por um grupo de pessoas, que estariam andando de skate, onde é proibido. Os moradores temem pela própria segurança. Segundo eles, o barulho é constante, presenciam diariamente o uso de drogas, até pessoas praticando sexo já foram vistas. Eles relatam ainda que nos finais de semana a situação se agrava pelo fato da utilização de som automotivo muito alto.

Confira no áudio abaixo.

Áudios

Deixe o seu comentário!