O Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (PDDUA) de Farroupilha, criado em 2009, para adequar normas e diretrizes em várias áreas, ainda encontra-se em fase de adequações para muitos profissionais ligados ao ramo da engenharia civil. Para Rodrigo Fattori, mais do que uma Lei Municipal, é um planejamento que se faz em todos os aspectos e assim sendo, deve-se fazer um levantamento meticuloso de dados indicadores de toda comunidade e suas atividades. Para ele, Farroupilha primeiramente tem que saber qual é sua vocação e a partir disso potencializar esta vocação. Fattori acredita que um plano diretor é muito mais do que apenas dotar Leis para se normatizar construções, para ele o plano diretor deve reger o município por 10 ou 20 anos.

 

Confira na galeria de áudios abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!