Em manifestação recente à Spaço FM, a deputada estadual Marisa Formolo (PT) comentou a previsão de que a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) não terá recursos para manter estradas pós-pedágios. Segundo a parlamentar, a possibilidade existe, mas é preciso observar a arrecadação depois da saída das concessionárias, que devem encerrar atividade no estado até abril. Marisa esclareceu o assunto. Confira a entrevista na galeria de áudios abaixo.

Deixe o seu comentário!