A dívida do Hospital São Carlos com médicos que realizaram cirurgias eletivas entre novembro e dezembro, e não receberam pelos procedimentos, será saldada na primeira quinzena de fevereiro. É o que garantiu a diretora da instituição, Luciane Sperling.
Em participação ao Panorama desta terça-feira, 29, Luciane confirmou que o pagamento de parte dos atrasados foi quitada na última sexta-feira, 25. Ainda segundo ela, o aporte financeiro partiu da prefeitura de Farroupilha. A diretora do hospital previu normalização do quadro de cirurgias assim que for finalizado o pagamento.

Deixe o seu comentário!