A vice-presidente da AMDEF – Associação Municipal de Deficientes Físicos, Rosana Almeida comenta que existem muitas pessoas habilitadas com deficiência para ingressarem no mercado de trabalho, sabe também que muitas são as opções de vagas para elas, mas existe muita resistência, ou por dificuldades de locomoção, por não saberem os meios ou até mesmo da aceitação da doença. Rosana informa que por não possuírem uma sede fixa, existe uma parceria com a Secretaria de Assistência Social, junto ao balcão do trabalhador, onde estas pessoas podem deixar seus currículos informando o CID (Código Internacional de Doença) e até mesmo fazer seu cadastro para associarem-se junto a AMDEF. Para Rosana Almeida a ocupação dessas pessoas no mercado de trabalho além de mantê-las com vida ativa, ganham também mais qualidade de vida.

 

Confira na galeria de áudios abaixo

Deixe o seu comentário!