O grupo farroupilhense Fêmina Escola de Dança realizava apresentações no parque da Disney, em Orlando, na última semana, quando o estado da Flórida passou a se preparar para a passagem do furacão Irma. O grupo de 60 pessoas ficou impedido de sair do país devido à interrupção dos voos e continuou abrigado no Hotel Disney All Star Movies. No sábado, 9, um dia antes do furacão chegar à Flórida, nove pessoas que participavam da excursão conseguiram voltar ao Brasil. Os outros 51 permanecem em Orlando. A diretora da Qualité Turismo, Fabiana Carvalho, passou informações para a reportagem da Spaço FM na manhã desta segunda-feira sobre como o grupo está:

“O furacão ainda está passando. Ventos e chuva fortes. Nosso quarto é tão seguro que de cortinas fechadas não sentimos nada. Estamos bem seguros. Neste momento todos dormindo e em seus quartos em toque de recolher pois assim pedem as autoridades locais. O pico do furacão passou por volta das 2h. Foi forte, intenso, mas pudemos ver essa passagem do Irma com segurança. Neste momento todos dormindo e bem. Não ficamos em nenhum momento sem luz ou Wi-Fi aqui no hotel, diferente de outros locais (como sabe-se por aqui). Como informado ontem, houve uma redistribuição na organização dos quartos, para tenha pelo menos um adulto responsável em cada um deles. Pessoas já andam do lado de fora. Mas, enquanto as autoridades não permitirem, ninguém sairá de seus quartos".

Deixe o seu comentário!