O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB Subseção Farroupilha), Maurício Bianchi comentou sobre a posição da entidade no tema envolvendo a eleição do Conselho Tutelar em Farroupilha, onde o Ministério Público (MP) está solicitando a impugnação de três candidatos por apresentarem ilicitudes durante o pleito eleitoral realizado no dia 6 de outubro.

No processo instaurado pela promotoria de Farroupilha, o nome do vice-prefeito Pedro Pedrozo, do Chefe de Gabinete Vandré Fardin e da secretária de Desenvolvimento Social e Habitação, Glória Menegotto foram citados tendo participação no episódio.

Conforme o presidente, o Conselho Tutelar é um órgão muito importante para o município e deve ser tratado como tal, por isso a OAB fez campanha de conscientização sobre a importância da eleição e da observância das regras.

Ele acredita na imparcialidade e na seriedade da comissão que vai analisar os casos. "A OAB, que inclusive tem uma cadeira no conselho, está atenta ao que esta ocorrendo”, declarou.

Bianchi também comentou sobre a possibilidade dos candidatos denunciados pelo MP assumirem o cargo através de uma liminar judicial, o que é legal, mas esse entendimento ainda deverá passa por muitas discussões.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!