A falta de material asfáltico interrompeu os trabalhos da operação tapa-buracos em determinadas ruas de Farroupilha. Conforme o secretário de Desenvolvimento Urbano, Infraestrutura e Trânsito, Gelson Parodes, a empresa fornecedora do material roda uma produção com pedidos de no mínimo 50 toneladas de asfalto, o que não havia nesse momento.

A previsão do secretário é de que nos próximos dias o trabalho retorne para ser concluído. A ideia inicial era terminar a operação na Avenida Pedro Grendene e na sequência nas ruas Paim Filho e Papa João XXIII. 

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!