O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Agricultores Familiares de Farroupilha (Sintrafar), Márcio Ferrari opinou sobre o plano diretor do município.

Na última quinta-feira, 25, o assunto foi discutido em uma audiência pública e a maioria dos presentes se posicionou favorável a uma alteração no plano diretor para frear a invasão das cooperativas habitacionais na área rural do município.

Na visão de Ferrari, uma possível alteração não geraria impactos para administração pública, além de corrigir um erro cometido no passado. “Isso vai acabar corrigindo essa distorção que aconteceu há dois anos. Isso é muito bom, uma atitude louvável e que no final vai trazer benefício à toda comunidade farroupilhense”, analisou.

Para o representante da Cooperativa Bona Vitta, Gustavo Hipólito, não há problemas na aprovação de uma nova alteração no plano diretor. “A gente não quer tirar o agricultor de lá. Até porque quem vende a parte da cooperativa é o produtor rural”, explicou.

O vereador Deivid Argenta (PDT) também foi ouvido pela reportagem da Spaço FM e comentou que muitos produtores estão tendo dificuldades de conseguir financiamentos rurais e licenciamento ambiental. “É muito cedo ainda para analisar, mas eu acredito que a comissão do Executivo deve ter feito essa análise para nós tomarmos a melhor decisão possível”, realçou. O próximo passo é a votação do projeto na Câmara de Vereadores.

OUÇA OS ÁUDIOS ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!