O presidente da Associação dos Usuários de Rodovias do Rio Grande do Sul (Assurcon), David Vicenzo, afirmou que o valor justo de possíveis pedágios nas rodovias gaúchas é de R$ 2 por passagem, a cada 100 quilômetros.

Segundo Vicenzo, o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) e a direção da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) estão sucateando de propósito as estradas. “O que vocês preferem: pagar R$ 5 e destinar 80% para estradas ou pagar R$ 5 e destinar 30% para as estradas?”, questionou.

O presidente da Assurcon destacou que o pedágio será colocado em 28 rodovias a mais do que as 14 que existentes atualmente. Na opinião de Vicenzo, de Farroupilha a Bento Gonçalves será cobrada a tarifa. Já entre Farroupilha e Caxias do Sul, ele não acredita que haverá cobrança de valores.

A divulgação do resultado das audiências públicas realizadas em todo o Rio Grande do Sul sobre concessões de rodovias ocorrerá às 14h do dia 4 de março, na Assembleia Legislativa, em Porto Alegre. 

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!