O empresário do setor malheiro, holetaria e eventos, Ivo Pagliarini, em entrevista à Spaço FM, comentou sobre a dificuldade do setor diante da pandemia. Conforme o empresário, 'todo mundo bebeu água suja'. Cerca de 32% dos estabelecimentos ligados a esse segmento fecharam as portas no estado do Rio Grande do Sul.

Segundo ele, o mês de abril e começo de maio foram diferentes e a procura foi maior. Pagliarini credita a mudança da estação de ano e ao setor malheiro.

O empresário destacou que é preciso uma ação onde todos os setores se envolvam muito pelo turismo para que esse turista que passa pela cidade aqui permaneça. “Nós não queremos um tchauzinho, um até logo, nós queremos ele aqui”, ressaltou. “Gramado está lotado, Vale dos Vinhedos também. E nós?” questionou.

Quanto a infraestrutura, Pagliarini salientou que é necessário mudanças em vários setores, como restaurantes com mais opções e horários e a comercialização de produtos da região. Também a logística com ambientes onde os turistas tenham curiosidade de conhecer e experimentar aquilo que é oferecido. “Nós precisamos pegar uma fatia deste bolo, não podemos ser turismo de passagem” concluiu.

Ouça a entrevista abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!