O secretário de Turismo e Cultura de Farroupilha, Francis Casali, respondeu o questionamento dos moradores sobre a não abertura da primeira capela de alvenaria do Rio Grande do Sul, construída em 1886 na comunidade de São José, e restaurada em 2016.

Casali explicou que no ano em que a capela foi entregue restaurada para a comunidade, ele não estava à frente da pasta, mas destacou que quando assumiu a secretaria não teve tempo para elaborar algo mais concreto para a utilização daquele espaço.  “Quem precisa nos ajudar é a comunidade”, ressaltou. O secretário ressaltou que não foi procurado pelos moradores, mas espera que eles possam marcar um encontro para que se tenha uma decisão para que a capela seja utilizada.

OUÇA A ENTREVISTA NO ÁUDIO ABAIXO

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!