O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) publicou a instrução normativa nº 22 nesta quarta-feira, 18, no Diário Oficial da União. A medida visa prevenir o contágio do coronavírus, suspendendo a realização de prova de vida dos beneficiários do INSS. A suspensão ocorrerá pelo período de 120 dias. 

A regra não se aplica ao recadastramento de aposentado, pensionista ou anistiado político, no qual o pagamento do benefício esteja suspenso. A realização de visitas técnicas para comprovação de vida também estão suspensas por 120 dias. A medida não afeta o pagamento dos benefícios.

O Sicredi também prorrogou para 120 dias o prazo da prova de vida dos aposentados. A prorrogação faz parte de medidas que o banco tem tomado para prevenir a transmissão do coronavírus.

Desse modo, os idosos não precisam se deslocar até a agência e não correm risco de contraírem a doença. Não haverá bloqueios do benefício.

 

Leia Também

Deixe o seu comentário!