Os vereadores de Farroupilha, Arielson Arsego, Fabiano Piccoli e Tadeu Salib dos Santos, juntamente com o vereador de Caxias do Sul, Rafael Bueno, foram os convidados do Jogo Rápido no Fim de Expediente desta quarta-feira, 1º de maio.

Entre os assuntos abordados esteve em pauta as declarações do prefeito Claiton Gonçalves que voltou a afirmar que a prefeitura de Farroupilha está aberta para ensinar à oposição como se faz gestão e como se administra uma cidade. Arsego comentou sobre projetos que não saíram do papel, inaugurações de obras que até o momento não tiveram nenhuma utilidade para a população e promessas não cumpridas pelo prefeito. Ele também destacou o aumento de impostos e afirmou que infelizmente o que o prefeito pretende ensinar não serve de modelo para nenhuma administração.

Salib dos Santos ressaltou que da escola que veio foram 40 anos de aprendizado. Ele lamentou as declarações do prefeito, o qual diminuiu o conhecimento de pessoas que já fizeram e fazem muito por Farroupilha. Piccoli defendeu a administração municipal, argumentando que a falta de recursos exigiu além da competência, a criatividade para colocar em prática suas ações. 

Bueno comentou sobre os números apresentados pela organização da Festa da Uva 2019 que, segundo ele, teve um prejuízo de mais de R$ 1,4 milhão e não um lucro de R$ 70 mil como foi divulgado. A administração de Daniel Guerra também foi abordada ao longo do programa.

Deixe o seu comentário!