O Spaço Livre deste sábado, 12, recebeu o jornalista, escritor, palestrante, orientador e espírita, Carlos Campetti. Durante o programa ele abordou assuntos relacionados a educação, hábitos e vícios, depressão, ansiedade, humildade, evolução e felicidade. 

Campetti explicou que a família está se adaptando conforme a evolução dos tempo e que sempre existiu problemas, mas antigamente eles eram abafados já que se vivia de uma maneira diferente. Ele ainda destacou que para que haja mudanças é necessário que as pessoas respeitem as diferenças, ao outro e os valores. "A sociedade vai se transformar para melhor", comentou. 

O espírita também salientou que a Terra iniciou a transição de um planeta de provas e expiações para um planeta de regeneração. Ele afirma que é preciso compreender que somos espíritos e passaremos por todas as experiências para evoluir em várias reencarnações."Todos os seres progridem, mas não na mesma velocidade", enfatiza. 

Outra questão respondida por Campetti foi sobre a escolha de ser ateu, a qual ele ressalta que não é um problema. "Ser ateu não é o problema, o grande problema é não respeitar o semelhante. Se o indivíduo não acredita em Deus e faz o bem para o próximo, pode ter certeza que ele chegará no mundo espiritual em melhores condições do que uma pessoa que é religiosa, que respeitou todos os rituais da sua religião e não fez nada de bom para ninguém. Não há nada que a gente faça para o próximo que não reverta para nós", pontua.

O profissional irá ministrar uma palestra neste sábado, às 15h, na Câmara de Vereadores, com o tema 'Um sentido para a vida'. A entrada é um quilo de alimento não perecível. 

 

Deixe o seu comentário!