A região de Farroupilha foi confirmada na bandeira vermelha após o Gabinete de Crise do governo do estado ter analisado os recursos das regiões que haviam sido preliminarmente classificadas com alto risco de contágio.

O Rio Grande do Sul está com 79,5% dos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) ocupados, sendo que 46,8% são de pessoas contaminadas com a covid-19 ou com suspeitas da doença. Apenas as regiões de Cachoeira do Sul e Guaíba tiveram os recursos aprovados e estão na bandeira laranja.

Durante uma live em rede social, o governador do estado Eduardo Leite (Psdb) anunciou o fim da cogestão, medida que permitia as regiões a flexibilizar os protocolos de segurança. A partir disso, algumas medidas da bandeira vermelha foram alteradas. Houve a suspensão das festas de encerramento de ano, mas eventos públicos em lugares abertos e com controle de pessoas podem ser feitos.

O mapa definitivo entra em vigor nesta terça-feira, 1º de dezembro. Os protocolos de segurança podem ser conferidos no site distanciamentocontrolado.rs.gov.br

Leia Também

Deixe o seu comentário!