A Empresa Farroupilhense de Saneamento e Desenvolvimento Ambiental (Ecofar) está desenvolvendo um trabalho com uma companhia chamada GT Locações e Serviços. Conforme o diretor presidente da Ecofar, Flávio Lopes, foi firmado um contrato emergencial de seis meses para que a GT entre com a mão de obra e os caminhões para que a Ecofar não tenha que fazer investimentos em novos equipamentos.

Lopes destacou que a diretoria executiva da Ecofar continua a mesma com sete integrantes e que segue fazendo a gestão da empresa. “Quem determina o que vai ser feito é a Ecofar”, salientou. Ele explicou que já estão sendo elaborados planos para que a companhia passe a realizar outros serviços públicos da prefeitura como pavimentação e asfaltamento.

OUÇA A ENTREVISTA NO ÁUDIO ABAIXO

Áudios

Deixe o seu comentário!