Portas abertas. É assim que está o gabinete do prefeito em Caxias do Sul desde que o então presidente da Câmara de Vereadores, Flávio Cassina (PTB) assumiu interinamente a prefeitura.

Cassina ressaltou que buscará atender todos os setores da sociedade. “Nosso objetivo é abrir as portas para a comunidade. Ouviremos todo mundo. Tem coisas que poderíamos atender. Tem coisas que não será possível, teremos que saber dizer não”, explicou.

Ele colocou seu nome à disposição para concorrer a eleição indireta para a prefeitura do município. O prefeito destacou que não pode deixar de ajudar a cidade e colocar Caxias nos trilhos do desenvolvimento como sempre esteve.

As áreas de saúde, educação e segurança receberão uma atenção especial durante seu governo interino. “Nós precisamos criar um canal direto entre vereador e secretário, sem burocracias. Dá para resolver muita coisa sem burocracia”, contou.

A Câmara de Vereadores anunciará nesta sexta-feira, 27, a data para a eleição indireta que elegerá o prefeito e vice-prefeito de Caxias do Sul.

Se a eleição indireta não for realizada 2 de janeiro, quando ocorrerá a posse do novo presidente da Câmara, Ricardo Daneluz (PDT), ele é quem assume como prefeito interino.

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!