A Rádio Spaço FM acompanhou na manhã desta segunda-feira, 15, uma reunião entre a prefeitura e entidades representativas de Farroupilha para assinar um documento elaborado para pedir ao governador Eduardo Leite que reveja a situação da bandeira vermelha indicada para a Serra Gaúcha.

O presidente do Sindilojas, Sérgio Rossi, concedeu uma entrevista para a Rádio Spaço FM após assinar o documento em conjunto com diversas entidades. Rossi explicou que as empresas associadas estão empenhadas e seguem as determinações de saúde indicadas pelos órgãos de saúde. Desta forma o Sindilojas está empenhado para que os comerciantes sigam com seus estabelecimentos abertos. “Nós estamos fazendo de tudo para que ninguém feche sua empresa”, declarou.

Para o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Juliano Tofolo, sua preocupação é a mesma. Tofolo destacou que o município tem realidade oposta em comparativo com outras cidades desta região. No documento também foram anexados dados do avanço do coronavírus, que mostram o trabalho desenvolvido pela Secretaria de Saúde e o controle da doença através da utilização de testes rápidos. O anexo também apresenta que até o momento 0,004% da população (343 pessoas) foi contaminada pelo vírus.

O presidente da Associação dos Centros de Compras da Serra Gaúcha (Acecors), Paulo Roberto Dalsochio comentou que os shoppings de atacado trabalharam parcialmente na manhã desta segunda. Dalsochio ressaltou que os estabelecimentos estão seguindo todas as normas de saúde e nesta data muitas excursões não compareceram para comprar. Desta forma, ele comentou que este fechamento preocupa bastante o setor, mas o município e a região estão se comportando dentro das regras e até o momento não há muitos casos graves.

Dalsochio frisou que se todas as empresas associadas ficarem fechadas por estes 15 dias, muitas não conseguirão retornar suas atividades e cerca de três mil pessoas poderão ter suas vagas de empregos comprometidas.

OUÇA AS ENTREVISTAS

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!