O coordenador da 25ª Região Tradicionalista, José Enor de Andrade Oliveira, comentou sobre a retirada de uma centelha da Chama Crioula, que agora irá percorrer os municípios da Serra nos Festejos Farroupilha.

Ele falou sobre a importância do símbolo para o gaúcho e também opinou sobre o posicionamento do governador Eduardo Leite, quando declarou ser gay. "Hoje é natural para nós e cada um tem a sua opção sexual, nós não temos que julgar a sexualidade do governador, quem nasce no Rio Grande do Sul é gaúcho e isso é o que importa”, comentou.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!