A secretária de Educação de Gravataí, Sonia Oliveira e o esposo Ricardo Abreu foram encontrados mortos em um camping de Gramado na Serra Gaúcha. Os corpos estavam no interior do motorhome da família.

Conforme a deputada Patrícia Alba (MDB), esposa do ex-prefeito Marco Alba de Gravataí, o casal não dava notícias desde o último sábado, 31, o que chamou a atenção dos filhos.

Os familiares acionaram a polícia, que foi ao local onde Sonia e Abreu iriam passar o final de semana e na tarde desta terça-feira, 3, encontraram o casal sem vida no interior do veículo.

Segundo o delegado regional Heliomar Franco, a polícia técnica fez um levantamento prévio do local e não verificou sinais de arrombamento ou violência física. "A suspeita é que eles tenham inalado um gás tóxico de forma acidental, mas a confirmação depende de perícia mecânica no motorhome”, salientou.

Em nota, a prefeitura de Gravataí lamentou a morte da secretária e do marido dela. O prefeito decretou luto oficial de três dias no município. Sônia também esteve à frente da Educação em dois mandatos do ex-prefeito Marco Alba. O casal deixa dois filhos e um neto.

Confira a nota da Prefeitura:

A Prefeitura de Gravataí informa, com profundo pesar, o falecimento da secretária municipal de Educação, Sonia Oliveira, e de seu marido, Ricardo Abreu. Uma das figuras públicas mais queridas de Gravataí, com dezenas de anos de atuação na política, filha do ex-prefeito e ex-deputado estadual Dorival de Oliveira, Sonia deixa os filhos Felipe e Karolline e o neto Arthur. O Prefeito Luiz Zaffalon decretou luto oficial de três dias e a suspensão das aulas nesta quarta-feira, 4 de agosto. O Município de Gravataí, por meio do prefeito Luiz Zaffalon, manifesta sua solidariedade e condolências a familiares e amigos da sempre querida Sonia Oliveira e seu esposo, Ricardo Abreu. Ainda não temos informações sobre os atos fúnebres.

Deixe o seu comentário!