O grupo de mulheres Voluntárias da Saúde realizou na noite desta segunda-feira, 25, uma espécie de prestação de contas dos trabalhos e ações desenvolvidas em prol do Hospital São Carlos de Farroupilha.

A apresentação foi liderada pela presidente do grupo, Lourdes Refosco, que ressaltou primeiramente o total apoio da comunidade em todos os pedidos solicitados, sejam eles em doações, aquisição de ingressos das promoções realizadas, rifas, entre outros.

Outra integrante do grupo, Maria de Lourdes Anselmi ressaltou a importância de emendas parlamentares para a saúde financeira do hospital. Ela expôs a dificuldade da casa de saúde neste ano, a qual recebeu cerca de R$ 600 mil em emendas, um valor muito abaixo se comparado a 2018, cujo o montante ultrapassou os R$ 4 milhões.

O grupo destacou as melhorias que foram executadas no interior do hospital com os recursos que foram adquiridos através das promoções e também já projetaram atividades e metas para 2020. A principal delas é a aquisição de 10 camas hospitalares. Para isso, as voluntárias, através da presidente, solicitaram que a Câmara de Vereadores faça uma doação de recursos que não foram utilizados no legislativo durante o ano, e que serão devolvidos ao Executivo.

Conforme a presidente, o recurso, independente do valor será bem vindo e utilizado com muita responsabilidade. O grupo também cobrou mais empenho dos vereadores na busca de emendas parlamentares para custeio nas despesas da casa de saúde.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!