O grupo feminista denominado Coletivo Feminista Entre Elas de Farroupilha usou o espaço destinado a Tribuna Livre durante a sessão na Câmara de Vereadores nesta segunda-feira, 11, para abordar a violência sexual contra as mulheres.

A coordenadora do Coletivo, Josiane Tainara Hanke da Rosa apresentou dados onde somente no Brasil em 2018 foram registrados 180 casos por dia de violência sexual, sendo mais da metade deles com crianças de até 13 anos de idade.

Segundo dados apresentados na sessão, 75% dos agressores pertencem ao vínculo social ou familiar da vítima. Josiane explicou que diante dos dados, o Coletivo Feminista Entre Elas tem como missão enfrentar os abusos propondo a educação sexual nas escolas, visando a orientação do jovem sobre seu corpo, e mais políticas públicas de prevenção em áreas como Assistência Social, Segurança Pública, Saúde e Educação.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!