O candidato a vereador João Carraro (PSB), de 63 anos, foi morto a tiros no interior de Flores da Cunha por volta das 13h40 desta terça-feira, 27. A vítima estaria parada com um um Fiat Palio em frente a uma residência na Estrada Gerardo Santin Guarese, na localidade de Lagoa Bela, quando foi assassinada. Ele foi atingido por pelo menos cinco disparos de um revólver. O corpo tinha perfurações na cabeça, abdômen e no braço. 

Segundo o delegado responsável pela investigação, Rodrigo Kegler Duarte, o candidato estava fazendo campanha política e foi perseguido por um indivíduo em um carro branco. "A motivação nós temos que trabalhar por dois caminhos ou a vida pregressa da vítima, algum desentendimento anterior ou até mesmo a campanha política", esclareceu.  

O próximo passo das investigações é analisar as imagens das câmeras de seguranças das empresas da localidade com o intuito de identificar e localizar o autor do crime. 

João Carraro foi vereador pelo PDT entre 2005 e 2008 e era servidor público há 32 anos, trabalhando mais de três décadas na Secretaria de Obras do município. 

Deixe o seu comentário!