O homem de 39 anos que era o principal suspeito de ter estuprado e matado sua enteada Jordana Tamires Christ Watthier, 13 anos, confessou os crimes neste sábado, 10, na delegacia da Polícia Civil de Bom Princípio. A menina foi encontrada morta a beira do Arroio Forromeco, próximo da ERS-122, no domingo, 4. O suspeito se entregou à polícia na última sexta-feira, 9, em Teutônia, a 61 quilômetros de onde aconteceu a barbárie.

Segundo a polícia, ele tem três antecedentes criminais por estupro envolvendo menores de idade. O indivíduo também possui duas condenações pela primeira Vara Judicial de São Sebastião do Caí, uma por estupro e outra por roubo.

Ele prestou depoimento ao titular da delegacia de Bom Princípio, Marcos Eduardo Pepe neste sábado, 10, e após foi preso preventivamente. O corpo da menina apresentou marcas de enforcamento e violência sexual. O suspeito deverá responder por estupro de vulnerável e homicídio doloso por asfixia.

Leia Também

Deixe o seu comentário!