O italiano Stefano Marchese, 51 anos, vítima de assalto em sua residência na Linha Muller, morreu neste sábado, 3, por volta das 10h no Hospital São Carlos.

Ele foi alvejado com um disparo de arma de fogo por volta das 18h40 do domingo, 27 de junho, quando dois indivíduos arrombaram a porta da frente da sua casa e armados de faca e revólver anunciaram o assalto.

A Polícia Civil continua na investigação do caso e, segundo o delegado Ederson Bilhan, há poucas pistas. Em entrevista à Spaço FM, o delegado solicitou que quem tiver alguma informação pode repassar através do telefone 197 ou na Delegacia de Polícia.

O corpo de Stefano Marchese será velado na Capela da Comunidade de Linha Muller e o sepultamento ocorrerá no cemitério de Nova Sardenha.

Deixe o seu comentário!