O deputado estadual Álvaro Boessio (MDB), que é líder da bancada na Assembleia Legislativa, comentou sobre a votação para que sua sigla apoie o governador eleito Eduardo Leite (PSDB).

Ele explicou que teve direito a dois votos, os quais foram favoráveis a integrar a base do próximo governo estadual. Sobre a manifestação dos vereadores do partido farroupilhense que não concordaram com a posição do partido, Boessio afirmou que respeita as declarações, mas como os projetos de campanha de José Ivo Sartori (MDB) e os de Leite são parecidos decidiu votar a favor. “Nós temos que ajudar o Eduardo”, destacou.

Boessio também comentou sobre o estado das rodovias da Serra Gaúcha que nos últimos dias tiveram novos problemas ocasionados pela chuva. Segundo o deputado, mesmo não atuando na assembleia, continuará cobrando do próximo governo ações para melhoria das estradas. Ele também destacou que o Daer não abandonou a região. “A gente vai continuar brigando mesmo não sendo deputado, a gente vai ter uma equipe cobrando do governo", salientou.

Ao final, o atual deputado ressaltou a importância da primeira dama de Farroupilha, Francis Somensi assumir uma cadeira na assembleia e ser aliada ao próximo governo. Ele também relembrou os valores que seriam repassados para a UPA 24 horas, que não entrou em funcionamento. Na época o dinheiro foi devolvido para o governo do RS e seria transferido para ser utilizado em outro local.

Boessio ressaltou que o destino da verba não poderia ser modificado e que o prefeito Claiton Gonçalves iludiu a população. “Infelizmente o prefeito tem uma boa conversa e conseguiu desta forma, muitas vezes, tentar enganar a população de Farroupilha”, enfatizou.

OUÇA A ENTREVISTA NO ÁUDIO ABAIXO

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!